A concepção de uma embalagem para objectos esféricos constituiu o objectivo deste projecto académico. Resolvi embalar pirilampos mágicos redondos, igualmente criados por mim. Para além do acondicionamento e transporte, seria necessário ter em conta a eficácia da comunicação. A embalagem sugere a imagem do pirilampo mágico, desde a antena, aos olhos e formas arredondadas. O uso de cola não era permitido neste objecto, funcionando apenas com vincos, dobras e encaixes, o que tornou a concepção mais complexa. Esta seria uma embalagem de loja, da qual se retiraria o objecto pretendido. Estaria pendurada pela antena (que serve simultaneamente para agarrar e segurar a embalagem). Depois de seleccionar a cor pretendida, a pessoa faria pressão para dentro, o pirilampo cairia e escorregaria para junto de um dos "olhos", de onde então seria muito prático retirar, devido ao maior diâmetro desta cavidade.